erykah badu Archive

sexta-feira

16

março 2018

0

COMMENTS

Erykah Badu, “On & On”/”Sorrow Tears and Blood” medley

Written by , Posted in Música

Bora começar 2018!

Divulgando sua participação na série de compilações de discos do Fela Kuti relançados pela Knitting Factory Records, Erykah Badu esteve no Jimmy Fallon e cometeu essa apresentação sensacional acompanhada pelo The Roots.

Erykah selecionou sete discos, incluindo o seu favorito de todos os tempos, “Coffin For Head of State”, de 1980. Antes da cantora, Questlove, Ginger Baker e Brian Eno já haviam organizados outros três caixas com seus discos favoritos do mestre do afrobeat.

Anúncios

quinta-feira

29

dezembro 2016

2

COMMENTS

Os bons shows de 2016

Written by , Posted in Sem categoria

shows 2016

Foi um ano recheado de shows, porém, tirando o extenso relato sobre o Primavera Sound, em Barcelona, em 2016 novamente escrevi pouco sobre as apresentações. Abaixo, os registros em fotos e legendas explicativas dos mais legais do ano.

Confira também as listas de com Os bons discos nacionais de 2016 e Os bons discos internacionais de 2016.

O show de 2016: Rolling Stones (Maracanã)

Rolling Stones ("you should be here")

A photo posted by URBe (@urbe) on

Não sou o maior fã de Rolling Stones. Mas meu filho é e fez questão de ir. A estreia dele num show, aos 5 anos, bastou pra esse se tornar não apenas um dos mais especiais de 2016, mas da vida.

Gal Costa (Circo Voador)

Gal. Legal. Barato Total.

A photo posted by URBe (@urbe) on

Iggy Pop (SXSW)

Iggy Pop & Josh Homme #sxsw #sxsw2016

A video posted by URBe (@urbe) on

Anderson .Paak & The Free Nationals (SXSW)

Anderson Paak & The Free Nationals #sxsw #sxsw2016

A photo posted by URBe (@urbe) on

Erykah Badu (SXSW)

Erykah Badu #sxsw #sxsw2016

A video posted by URBe (@urbe) on

Jamie xx (SXSW)

Chicano Batman (SXSW)

Muito bom o @ChicanoBatman fechando essa temporada de #swsx #sxsw2016

A video posted by URBe (@urbe) on

José Gonzalez (Circo Voador)

José Gonzalez #queremosheineken #liveyourmusic

A photo posted by URBe (@urbe) on

Andy Shauf (Primavera Sound)

Kamasi Washington (Primavera Sound)

Kamasi Washington, puta que los pares! ??? #primaverasound #primaveraurbe

A photo posted by URBe (@urbe) on

Floating Points (Primavera Sound)

Floating Points live, só no transe #primaverasound #primaveraurbe

A photo posted by URBe (@urbe) on

Moses Sumney (Primaver Sound)

Beirut (Primavera Sound)

Beirut #primaverasound #primaveraurbe

A photo posted by URBe (@urbe) on

Brian Wilson performing “Pet Sounds” (Primavera Sound)

Orchestra Baobab (Primavera Sound)

Orchestra Baobab #primaverasound #primaveraurbe

A photo posted by URBe (@urbe) on

Pantha du Prince (Primavera Sound)

Action Bronson (Primavera Sound)

Action Bronson #primaverasound #primaveraurbe

A video posted by URBe (@urbe) on

Jards Macalé (Canecão)

Jard Macalé #ocupaminc #ocupacanecao

A photo posted by URBe (@urbe) on

Stine Janvin Motland (Novas Frequências)

quarta-feira

21

outubro 2015

0

COMMENTS

Drake x Erykah Badu x Disclosure x Sam Smith, “Hotline Bling”

Written by , Posted in Música

Erykah Badu - HOTLINE BLING BUT U CAINT USE MY PHONE MIX

Lançada no meio do ano, “Hotline Bling” do Drake estourou e ganhou uma penca de remixes. E polêmicas, como sempre. O sample pode ser de “Why can’t we live together”, do Timmy Thomas (que por sua vez tem uma versão reggae clássica na voz de Tinga Stewart), porém a inspiração da música foi “Cha Cha”, do D.R.A.M.. O próprio rapper admitiu, dizendo que tomou uma “postura dancehall” quanto a música do D.R.A.M., tratando-a como se fosse um riddim, em referência a tradição jamaicana (pré-dancehall, diga-se) em que uma faixa instrumental é reinterpretada por diversos cantores.

Ouça a versão original do Drake:

Abaixo a interpretação da Erykah Badu, co-escrita junto com Seven Benjamin, seu filho com uma das metades do Outkast, Andre 3000:

A dupla truqueira Disclosure e Sam Smith também deu um trato na faixa:

terça-feira

3

abril 2012

2

COMMENTS

Transcultura #075: Beach House // Rocket Juice & The Moon

Written by , Posted in Imprensa, Música

Meu texto de sexta passada da coluna “Transcultura”, que publico todas as sextas no jornal O Globo:

Melancolia na casa de praia
por Bruno Natal

Uma casa na praia num vibrante dia de verão não é exatamente a imagem que vem a cabeça ao escutar o dream pop do Beach House. Substitua um dia ensolarado por um final de tarde tendendo ao nublado na costa de Baltimore e o cenário começa a se aproximar mais da atmosfera melancólica proposta por Victoria Legrand e Alex Scally. O quarto disco, “Bloom”, com lançamento previsto para maio pela gravadora Sub Pop, é também o mais aguardado da dupla.

Isso porque “Teen Dream”, o disco anterior, foi um marco na carreira da dupla. Os teclado e vocal de Victoria, a guitarra de Alex e a programação de bateria eletrônica finalmente aproximou-se de um público maior, fazendo a carreira da banda crescer e levando-os a tocar em alguns dos principais festivais do mundo. Victoria ainda colaborou com Grizzly Bear (na trilha de “Crepúsculo”) e participou de uma faixa no mais recente disco do Air. Como numa boa estreia (ainda que fosse o terceiro disco), o sucessor certamente colocaria uma pressão na banda.

Como não podia deixar de ser, as músicas de “Bloom” já circulam pela rede antes da estreia oficial. Novamente produzido por Chris Coady (TV On The Radio, Yeah Yeah Yeahs), “Bloom” mostra que o Beach House conseguiu, ao menos, manter o mesmo nível do anterior, ainda que tenha cedido um pouco no lado sonhador e feito mais concessões pop

O som continua atmosférico, com texturas etéreas e psicodélicas servindo de base para o doce vocal de Victoria e o fraseado da guitarra de Alex. Está menos enfumaçado e, até onde o Beach House se permite – e mais pra cima. Ou talvez seja tudo questão do ambiente. Se já é primavera no hemisfério norte quando “Bloom” começa a dar suas primeiras voltas, é outono daqui que melhor se encaixa nessa casa de praia.

Tchequirau

E lá vem mais um projeto do Damon Albarn, do Blur, dessa vez com Flea (Red Hot Chilli Peppers) e Tony Allen (lendário baterista do Fela Kuti, a caminho do Brasil), com participações do Hypnotic Brass Ensemble e Erykah Badu: Rocket Juice & The Moon  (página criada por fãs). Pode ir sem susto que é quente.

quarta-feira

28

março 2012

0

COMMENTS

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: