quarta-feira

19

novembro 2008

3

COMMENTS

Pedala

Written by , Posted in Urbanidades


foto: mustache

O Rio precisa assumir sua vocação verde e apostar nisso como um caminho para se re-estruturar.

Apesar das risadas do prefeito eleito Eduardo Paes quando Gabeira falou em afundar um barco nas ilhas Cagarras parar criar um recife artificial e incentivar a prática do mergulho no local, a indústria do turismo tem potencial para tirar a Cidade Maravilhosa do buraco.

E a mudança começa, lógico, com a própria população.

Numa cidade do tamanho de um ovo, é totalmente desnecessário a quantidade de carros que se vê poluindo e entupindo as ruas, principalmente na Zona Sul. Uma das principais e mais longas rotas da cidade são os meros 35km separando a Barra (Zona Oeste) do Centro.

Bicicleta é o caminho. A não ser quando chove. Mas no Rio está sempre quente e fica até divertido.

Deixe uma resposta

«

3 Comments

  1. Duda
  2. Carolina
  3. Bruno Natal

Deixe uma resposta para Carolina Cancelar resposta

%d blogueiros gostam disto: