segunda-feira

1

julho 2013

0

COMMENTS

O ovo e a galinha: redes sociais e movimentos descentralizados

Written by , Posted in Urbanidades

Interessante o ponto levantado pelo Pablo Ortellado no debate sobre as recentes manifestações realizado no último dia 21, quando os fatos ainda se desenrolavam, na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo.

Após denunciar uma orquestração da grande mídia para pautar o movimento e fazê-lo atender os próprios interesses, Pablo comentou sobre o entendimento das comunicações via redes sociais como elemento central do surgimento das manifestações:

“É a natureza desse tipo de manifestação que gerou as ferramentas que a gente tem hoje. (…) Nós conhecemos os atores que desenharam o Twitter que desenharam o YouTube, que vieram do movimento anti-capitalista do final dos anos 90. (…) A forma descentralizada, horizontal, sem lideranças dessas manifestações precedem essas tecnologias. Ativistas dos anos 90 viram que a internet permitia a conexão entre o uso dessas ferramentas e a nossa forma de mobilização e forjaram tecnologias que potencialiam esse tipo de comunicação.”

Mesmo que faça sentido, por se tratar de uma afirmação faltam fatos para embasar. Assista o depoimento completo abaixo:

Dica do Antonio.

Anúncios

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: