sexta-feira

9

maio 2003

1

COMMENTS

Curitiba Pop Festival

Written by , Posted in Resenhas

Queria ter ido, mas não fui. Pra compensar, reproduzo aqui o relato do blog de Rodrigo Lariú.

Top + 5

1- Breeders: começar o show com Amps, tocar “Gigantic”, ser simpática o tempo todo, voltar pro bis e tocar duas músicas do Fear e ainda tocar “Cannonball” sem medo, é para cravar como um dos shows da década!
2- Rubin Steiner: tudo bem, tava frio pra cacete e dançando esquentava um pouco, mas depois da primeira mexida, o esqueleto seguia sozinho.
3- E.S.S. : banda local, sem baterista, dizem, influenciada por Primal Scream mas é bem mais que isso.
4- Ópera de Arame: fora o frio que congelava os ossos, um lugar lindo.
5- X-Picanha do Waldo: quem já foi a Curitiba sabe; picanha fatiada, com queijo e molho a campanha na baguete.

Top – 5

1- Cachorro Grande: da onde tiraram que esta é a melhor banda do momento… As músicas são um sub-Kinks / Who, os músicos têm 1/10 do talento de suas matrizes.
2- Primal: bacana dar espaço pro metal mas não tinha uma banda melhor?
3- Stands dos selos independentes: tudo bem que é do feitio deles ser escondido, mas no 3º andar tava exagerado.
4- Ópera de Arame: não podia ser mais perto do centro; não podia ter mais transporte pra lá?
5- James: o mais indie dos bares de Curitiba continua um aperto e os locais continuam fazendo cara-feia para os forasteiros.

Anúncios

Deixe uma resposta

1 Comment

  1. Hélio Thomas Bastos

Deixe uma resposta

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: