barbican Archive

segunda-feira

3

junho 2019

0

COMMENTS

RESUMIDO #15 — Allez, humanos!

Written by , Posted in Digital, Urbanidades

Voltando de curtas férias, como sempre, assunto não falta. Nesse episódio do RESUMIDO temos: Cannes, cães, Everest, Brexit, França direitista, inteligência artificial, o que nos faz brasileiros, manifestações, dicas de som e claro, patinetes e muito mais!

Participe da campanha Apoia.se/resumido!

Abaixo, todos os links comentados no programa. O podcast está disponível em todas as plataformas, incluindo Spotify e Apple Podcasts.

Internacional

AI: More than Human | Barbican
Link to AI: More than Human | Barbican

AI: More than Human | Barbican

AI: More than Human invites you to explore our relationship with artificial intelligence.

'I've seen more self-aware ants!' AI: More Than Human – review
Link to ‘I’ve seen more self-aware ants!’ AI: More Than Human – review

‘I’ve seen more self-aware ants!’ AI: More Than Human – review

Barbican, London This crowd-pleasing show throws robots, shiny toys and interactive paintings at viewers. But there’s little sign of creativity amid the chaotic overload

FIFA Women's World Cup France 2019™ - FIFA.com
Link to FIFA Women’s World Cup France 2019™ – FIFA.com

FIFA Women’s World Cup France 2019™ – FIFA.com

FIFA Women’s World Cup France 2019™

Governo alemão aconselha judeus a evitarem uso da quipá em público
Link to Governo alemão aconselha judeus a evitarem uso da quipá em público

Governo alemão aconselha judeus a evitarem uso da quipá em público

Comissário de antissemitismo do país vê crescimento de ataques e recomenda que acessório religioso seja evitado em certos locais

Por que o Japão quer que o mundo inverta os nomes dos japoneses
Link to Por que o Japão quer que o mundo inverta os nomes dos japoneses

Por que o Japão quer que o mundo inverta os nomes dos japoneses

Chanceler quer aproveitar que o Japão estará sob holofotes globais para que nomes japoneses escritos em idiomas estrangeiros respeitem a mesma ordem de nomes de outros países asiáticos.

Filme brasileiro 'Bacurau' vence Prêmio do Júri no Festival de Cannes
Link to Filme brasileiro ‘Bacurau’ vence Prêmio do Júri no Festival de Cannes

Filme brasileiro ‘Bacurau’ vence Prêmio do Júri no Festival de Cannes

Produção de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles empatou com francês ‘Les Misérables’ na categoria, terceira mais importante do evento francês.

Tecnologia

Maiores anunciantes no Airbnb são empresas com até 157 imóveis
Link to Maiores anunciantes no Airbnb são empresas com até 157 imóveis

Maiores anunciantes no Airbnb são empresas com até 157 imóveis

Levantamento da Folha analisou 26 mil anúncios no Rio de Janeiro e em São Paulo

Your dreams are big. They need some space. – N26 Spaces
Link to Your dreams are big. They need some space. – N26 Spaces

Your dreams are big. They need some space. – N26 Spaces

Sub-accounts for saving and organizing your money. Create, delete, and move money all in real-time. It’s up to you. Start saving your way.

Yes, This Photo from Everest Is Real
Link to Yes, This Photo from Everest Is Real

Yes, This Photo from Everest Is Real

When we say “Everest is crowded,” this is what we mean

Conheça os Dog Bots Pedigree.
Link to Conheça os Dog Bots Pedigree.

Conheça os Dog Bots Pedigree.

Um projeto de adoção que espalhou o bem pela internet com ajuda de várias patinhas.

30 imagens que representam o Brasil mais que futebol e samba
Link to 30 imagens que representam o Brasil mais que futebol e samba

30 imagens que representam o Brasil mais que futebol e samba

Finalmente reconheceram os verdadeiros símbolos da nossa cultura.

Bozoland

Bolsonaro divulga foto de 2015 para ilustrar manifestações deste domingo
Link to Bolsonaro divulga foto de 2015 para ilustrar manifestações deste domingo

Bolsonaro divulga foto de 2015 para ilustrar manifestações deste domingo

Senhora que aparece enrolada em bandeira do Brasil no clique faleceu no ano passado

Análise: Disfarçado, viés autoritário esteve subjacente aos atos - Política - Estadão
Link to Análise: Disfarçado, viés autoritário esteve subjacente aos atos – Política – Estadão

Análise: Disfarçado, viés autoritário esteve subjacente aos atos – Política – Estadão

Em cima dos caminhões de som não se ouviram palavras de ordem pelo fechamento do Congresso ou do Supremo

'Professor não pode atuar como militante', diz ministro da AGU sobre pedido para STF liberar polícia nas universidades
Link to ‘Professor não pode atuar como militante’, diz ministro da AGU sobre pedido para STF liberar polícia nas universidades

‘Professor não pode atuar como militante’, diz ministro da AGU sobre pedido para STF liberar polícia nas universidades

Política Blog da Andréia Sadi Editorias Editorias Agro Agro Agronegócios Globo Rural A Indústria-Riqueza do Brasil Carros Carros Carros de A a Z Caminhões Carros elétricos e híbridos Motos IPVA Tabela FIPE vídeos autoesporte Ciência e Saúde Ciência e Saúde Viva Você Concursos Economia Economia Agro Agro Globo Rural Calculadoras Concursos e Empregos Educação Financeira Imposto de Renda Mídia e Marketing PME PME Pequenas Empresas tecnologia Educação Educação App G1 Enem Enem Guia de Carreiras Teste Vocacional Universidades Fato ou Fake Monitor da Violência Mundo Natureza Natureza Desafio Natureza Olha que legal Planeta Bizarro Política Política Eleições 2018 Operação Lava Jato Pop & Arte Pop & Arte Cinema Games Música Lollapalooza 2019 Rock in Rio 2019 Tecnologia Turismo e Viagem Regiões Regiões centro-oeste centro-oeste Distrito Federal Distrito Federal Bom Dia DF DF1 DF2 Globo Comunidade DF O que fazer no DF Goiás Goiás Bom Dia GO Bom dia sábado JA 1ª…

Variadas

Romeo and Juliet in Senegal, With Ghosts
Link to Romeo and Juliet in Senegal, With Ghosts

Romeo and Juliet in Senegal, With Ghosts

In Mati Diop’s Atlantics, which just premiered at Cannes, vengeful spirits are less frightening than the patriarchy.

A Generation of Stars Working Out Queerness in Their Songs
Link to A Generation of Stars Working Out Queerness in Their Songs

A Generation of Stars Working Out Queerness in Their Songs

Distinctive new albums from Steve Lacy and Tyler, the Creator, seem to build on the example set by Frank Ocean.

Flying Lotus: Flamagra Album Review | Pitchfork
Link to Flying Lotus: Flamagra Album Review | Pitchfork

Flying Lotus: Flamagra Album Review | Pitchfork

On Steven Ellison’s sixth album, his sweeping jazz-funk feels limitless. It sounds more like a sketchbook with FlyLo crafting each minute with great care and technical dexterity.

"IGOR" do Tyler, The Creator é o 1º álbum totalmente auto-produzido de um rapper a estrear no topo da Billboard | Rap 24 Horas
Link to “IGOR” do Tyler, The Creator é o 1º álbum totalmente auto-produzido de um rapper a estrear no topo da Billboard | Rap 24 Horas

“IGOR” do Tyler, The Creator é o 1º álbum totalmente auto-produzido de um rapper a estrear no topo da Billboard | Rap 24 Horas

No dia 17 desse mês de maio, Tyler, The Creator lançou seu novo álbum IGOR nas ruas. Recendo grandes elogios dos fãs e crítica, o projeto, que teve o equivalente a 165 mil cópias vendidas na primeira semana, se tornou o primeiro do músico a estrear no topo da Billboard 200, e ele conquistou um …

RESUMIDO Tracks

Apoie o RESUMIDO

APOIA.se - Financiamento Contínuo e Coletivo para quem Faz
Link to APOIA.se – Financiamento Contínuo e Coletivo para quem Faz

APOIA.se – Financiamento Contínuo e Coletivo para quem Faz

Seu clube de assinaturas na maior e mais especializada plataforma do Brasil.

quinta-feira

30

outubro 2014

0

COMMENTS

sexta-feira

18

abril 2008

0

COMMENTS

"Ô, sorte!"

Written by , Posted in Música, Resenhas

Soltando seu bordão favorito, seu tradicional “ô, sorte!”, Wilson das Neves foi recebido sob aplausos durante a passagem do seu Ipanemas pelo Barbican.

Fundador e único remanescente da formação original, atualmente Wilson está sendo acompanhado por uma banda de bambas: Mamão (bateria) e Alex Malheiros (baixo), ambos do trio Azymuth, Tiago Martins, filho do Mamão (percussão), José Carlos (violão), Vitor Santos (trombone). Não tem como dar errado.

Mesmo com essa formação, o show é do Wilson. Entre músicas do Ipanemas, sambas de sua carreira solo e da Orquestra Imperial, ele canta, samba, toca bateria, berimbau, pandeiro e tamborim, faz piadas e leva a platéia na palma da mão.

Bonita noite de música brasileira pra deixar gringo babando. Sorte foi de quem estava lá.

sexta-feira

21

março 2008

0

COMMENTS

The harder they come

Written by , Posted in Música, Resenhas

Harder They Come4.jpg
foto: Carol*

Ao montar o musical “The harder they come”, baseado no filme homônimo de 1972, dirigido por Perry Henzell, a companhia Theatre Royal Stratford East se lançou numa tarefa arriscada.

Além de ser celebrado como o primeiro filme a retratar fielmente a dura vida nos guetos jamaicanos, “The harder they come” não apenas catapultou a carreira de seu protagonista, Jimmy Cliff, como a trilha sonora é considerada a responsável por apresentar o reggae para o mundo de forma massiva — até o lançamento da coletânea “Legend”, do Bob Marley, em 1984, era o disco mais vendido das história do gênero.

Portanto, transpor para o palco em todos os detalhes a história de Ivanhoe Martin, saído do interior para Kingston, em busca de uma carreira no disputada indústria musical jamaicana, não podia ser fácil.

Com um excelente elenco de atores-cantores-dançarinos, uma banda cravada no meio do palco, um cenário minimalista red-gold-green e a boa escolha do protagonista, a transformação do ingênuo Ivanhoe no rude bwoy Rhyging em cena funciona perfeitamente.

Naturalmente, com uma enorme comunidade na Inglaterra, jamaicanos e descendentes ocupam cerca de metade dos lugares do teatro, rindo sem parar das histórias de casa, provavelmente lembrando de suas dificuldades pessoais, quando trocaram seu país pela Inglaterra.

No entanto, a saga de Ivanhoe é uma história universal. Fala diretamente a quem precisa ou já precisou correr muito atrás pra fazer as coisas acontecerem (ou seja, todo mundo), embora o final nem sempre seja feliz.

Não é o caso da própria peça ou da própria colônia jamaicana na Inglaterra. Em sua segunda temporada, agora no cultuado Barbican Centre, o musical é um sucesso de crítica e público.

A platéia inteira de pé e dançando ao final do espetáculo — num lugar onde é proibido se levantar durante um espetáculo, mesmo os de música — é um espelho disso.

%d blogueiros gostam disto: