quinta-feira

6

maio 2010

9

COMMENTS

A fúria de "Lost": Cuidado, SPOILER!

Written by , Posted in Urbanidades

Decidi assistir a última temporada de “Lost” mais como experiência social do que por ser fã. O que eu não podia adivinhar é que a decisão de assistir a série iria me colocar em rota de colisão com os verdadeiros fãs de “Lost” — o que acabou enriquencendo ainda mais a experiência.

Mesmo para quem pegou o bonde andando, baseando-se nas recapituladas oferecidas pela rede ABC e outras tantas diponíveis online, a reta final de “Lost” está sensacional. Ontem, quarta-feira, dia seguinte ao episódio 14, “The Candidate”, ter sido exibido nos EUA, ainda impactado por uma das cenas, resolvi comentar sobre a fotografia no Twitter.

Para facilitar o entendimento, caí na besteira de indicar especificamente a qual momento me referia. Sabendo da seriedade com que os fãs de “Lost” tratam os segredos da ilha e tentando não entregar muito, escrevi algo mais ou menos assim (como apaguei a tuitada, essa é uma reprodução aproximada, porque não ouso repetir):

“*SPOILER* Ao mesmo tempo pesada e bonita a cena da ***** de *** e ***. Linda fotografia.”

Pra quê… A mensagem do @marcio_k reproduzida na imagem que ilustra esse texto apareceu no Twiter exatamente 30 segundos após a minha. A comparação religiosa com a fatwa não era exagerada. Era uma profecia.

@danielferro conclamou: “Unfollow no @URBe até terminar LOST. To falando sério“. E olha que o cara é meu amigo! As mensagens carinhosas continuaram, vindas de toda parte, @labatti, @ClaraPolainas, @rtopitt, @marianelorente, @rhermann, @cboechat@tcompagnoni resumiu bem: “Acabo de presenciar a versão 2010 de ‘Versos Satânicos’ com 140 caracteres, por @URBe, o Salman Rushdie dos losties.

De nada adiantou avisar ter destacado a palavra SPOILER (jargão de fóruns de programas de TV que indica que o texto contém revelações para quem não assistiu), o estrago estava feito. Ainda corri pra deletar a tuitada. Já era.

Que a experiêcia de assistir “TV” está mudando não é novidade. Hoje em dia, o público acompanha via computador quase em tempo real produções dos EUA que sequer são exibidas no Brasil. Sem saber que, por conta do fuso, a noite de quarta é o dia “oficial” de “Lost”, apostei que os fãs já teriam baixado e assistido o episódio na noite anterior.

O saldo foram quatro seguidores a menos. Pode não ser um número impressionante, porém a velocidade com que tudo isso aconteceu, num espaço de 20 minutos, ilustra como a maneira com que os fãs consomem conteúdo mudou. Não existe mais horário fixo, lugar certo para se falar a respeito, nada.

Faltam três semanas para o mundo voltar ao normal. O capítulo final de “Lost” será exibido no domingo 23 de maio, numa transmissão que totalizará 4h30 entre recapitulações e episódio duplo “The End”. Então, quem sabe, dê pra conversar sobre o seriado sem medo de represálias.

Deixe uma resposta

9 Comments

  1. Daniel Ferro
  2. Márcio K
  3. thiago
  4. letuce
  5. Paula

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: