URBe | por Bruno Natal

URBe | por Bruno Natal

Cultura digital, música, urbanidades, documentários e jornalismo. Não foi exatamente assim que começou, lá em 2003, e ainda deve mudar muito. A graça é essa.

clipe Archive

quinta-feira

26

março 2015

Comentários

COMMENTS

quarta-feira

25

março 2015

Comentários

COMMENTS

quarta-feira

4

março 2015

Comentários

COMMENTS

terça-feira

3

março 2015

Comentários

COMMENTS

terça-feira

24

fevereiro 2015

Comentários

COMMENTS

segunda-feira

23

fevereiro 2015

Comentários

COMMENTS

Transcultura #159: Mensagem de Amor // Jungle

Written by , Posted in Destaque, Imprensa, Música

Transcultura_Oglobo_FelipeGuga_2015

Texto da semana passada para “Transcultura”, coluna que publico todas as sextas no jornal O Globo.

Mensagem de amor
Em resposta às dores de uma separação, designer cria série de desenhos que fazem sucesso on-line e já planeja livro e mostra
por Bruno Natal

Foi um coração partido, esse amargo combustível, que empurrou Felipe Guga — 35 anos, designer de formação, ilustrador de ofício, artista de colagens e DJ de várias festas do Rio — em direção a uma série de desenhos que fazem sucesso on-line. Ainda sem título, a sequência de ilustrações traz mensagens positivas, de certa forma na contramão de muito do que se vê em redes sociais.

— Essa série começou da forma mais básica e clichê possível: necessidade. A ideia surgiu após eu ter um relacionamento afetivo rompido, antes da virada do ano. Senti a necessidade emocional de gerar um conteúdo 100% ligado a coisas leves e para cima, tanto para eu mesmo superar essa dor, quanto para quem mais se identificasse com isso — conta Guga. — Queria colocar no mundo um desenho ou uma frase que pudesse atingir outras pessoas e fazer vibrar, espalhando amor e luz. Por isso escolhi materiais e canetas com cores flúor.

felipeguga_amor_02

As frases escolhidas têm fontes e inspirações diversas. De Osho, Ghandi, Jesus e Manoel de Barros a ditados populares, às vezes adaptados. As palavras ganham ilustrações que complementam a mensagem.

— O amor sempre foi falado por algumas dessas pessoas iluminadas, mas muitos não estavam escutando quando foi dito. A frase “perdão é o detox do coração” é minha, por exemplo, e foi uma das ilustrações mais repostadas da série — diz Guga.

Nas redes sociais, Felipe Guga compartilha diversas outras séries, conforme vai realizando-as, em tempo real. O processo criativo é simples: escolher uma frase e fazer a ilustração, simplificando o traço e conservando as imperfeições gráficas.

— Quando desenvolvo alguma ilustração diferente de tudo o que já fiz ou que tem potencial para se desdobrar, entro de cabeça. Fazendo um paralelo com meu trabalho de DJ, eu diria que uma série é um set, ele ganha mais força e sentido a partir do momento em que acrescento músicas — explica Guga.

felipeguga_amor_01

A repercussão foi instantânea, e o objetivo inicial de espalhar vibrações positivas foi atingido, acredita ele.

— A parte mais surpreendente desse trabalho é ver pessoas postando as imagens sem me dar crédito. Acho elegante quando creditam, mas as pessoas se apossam da mensagem e isso significa que saiu do controle e é legal. O amor não tem dono, é uma energia, não sou dono do amor, sou dono da imagem, mas se a imagem foi repostada sem crédito está perfeito também, significa que a energia se espalhou. Minha maior frustração como designer de estampas é nunca tido uma delas pirateada na Uruguaiana. Não há fator de sucesso maior do que isso — brinca.

O plano agora é transformar as ilustrações em uma exposição ainda neste semestre, com trabalhos à venda e, eventualmente, num livro reunindo todas as imagens.

— Estou negociando para expor algumas peças, umas 30 ao menos, já são 130 no total. A ideia do livro está latente, estou produzindo diariamente e bastante para ter conteúdo e material suficiente a mostrar para algum editora, já com a coisa bem encaminhada— planeja Guga.

Tchequirau

Conhecido pelos ótimos clipes, o Jungle lançou mais um. Dirigido pela própria banda, em parceria com Oliver Hadlee Pearch, “Julia” apresenta mais uma coreografia inventiva e bela fotografia.

quinta-feira

19

fevereiro 2015

Comentários

COMMENTS

domingo

28

dezembro 2014

Comentários

COMMENTS

terça-feira

11

novembro 2014

Comentários

COMMENTS

segunda-feira

10

novembro 2014

Comentários

COMMENTS