quinta-feira

3

dezembro 2015

0

COMMENTS

Invasão Novas Frequências: entrevista com Pigmalião

Written by , Posted in Música

pigmaliao_frentebolivarista_novasfrequencias2016

Sétimo post da série Invasão Novas Frequências, organizados pelo idealizador do festival Novas Frequências, Chico Dub.

O Pigmalião é um dos codinomes do Daniel Lucas, produtor carioca que está por traz da Frente Bolivarista, um selo que reune uma turma muito boa de produtores daqui e da América Latina. É um movimento que me faz lembrar do portenho ZZK Records e consequentemente da Dancing Cheetah. Vejo agora, em 2015, uma integração muito maior (mas que ainda precisa aumentar!) entre nós, de lingua portuguesa y nuestros amigos, e isso me deixa bem contente. Avante, Daniel!

Chico Dub – Pigmalião e a Frente Bolivarista têm papel fundamental no impulso de todo um novo movimento musical. O que você espera dessa nova identidade visual e sonora que está surgindo?

Pigmalião – Acredito que é o inicio de uma nova geração de artistas que buscam em suas raízes inspiração para criar modelos estéticos que fogem do obvio e do mainstream. O volume de conteúdo que vem sendo criado por artistas do Brasil, Argentina, Mexico, Chile, Colombia entre outros é enorme.

Chico Dub – Quais são as maiores influências do seu trabalho?

Pigmalião – Hoje as influencias mais relevantes são aquelas com texturas sonoras desconhecidas, feitas com amor, com vontade. A musica africana, do oriente e o folk da america latina tem muito disso, você sente a emoção real expressada.

Chico Dub – Suas músicas são misturas intrincadas de influências distantes. Como funciona seu processo de composição?

Pigmalião – Tenho mesclado referencias latino americanas às sonoridades mais distintas como tailandesas, iranianas, de Mali etc. A ideia é de uma forma aproximar pela musica estas culturas tão desconexas exaltando seus pontos de interseção e as infinitas combinações de timbres nunca antes exploradas.

Chico Dub – Qual a importância da mensagem política no seu som? E qual você acha que é a importância dela na música em geral?

Pigmalião – O caráter politico deste mix de referencias das minhas produções é o de quebrar fronteiras, aproximar as culturas e buscar mais tolerância e paz entre as pessoas a partir da musica. É um dos papéis da musica também.

Chico Dub – O que você pretende para essa festa do Novas Frequências?

Pigmalião – Para o Festival Novas Frequencias apresento meu projeto Pigmalião (www.soundcloud.com/piglion) que norteia o meu selo Frente Bolivarista nesta busca incessante pelos timbres do mundo. A performance é feita com controladores, drum machine e muita musica minha, edits etc.

Anúncios

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anúncios